quinta-feira, 16 de agosto de 2018

Número de pessoas que desistiram de procurar emprego bate recorde


Com mais tempo de espera na fila do emprego, bateu recorde no segundo trimestre o contingente de brasileiros que desistiu de procurar trabalho, informou nesta quinta (16) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 
Segundo o instituto, a taxa de desalento chegou a 4,4% no período, a maior da série histórica iniciada em 2012. Ao todo, 4,833 milhões de pessoas gostariam de trabalhar, mas não procuraram emprego no trimestre. No trimestre, foi recorde também o percentual de brasileiros que está buscando emprego há mais de dois anos: 3,162 milhões de pessoas, ou 24,4% daqueles que procuraram trabalho. A dificuldade para encontrar uma vaga é uma das razões que leva a pessoa ao desalento. De acordo com o IBGE, cerca de 203 mil pessoas se somaram ao contingente de desalentados no segundo trimestre, na comparação com os três primeiros meses do ano. Em um ano, foram 939 mil pessoas. "São pessoas que não foram consideradas desocupadas, mas que se você oferecer emprego, elas estão dispostas a trabalhar. Isso mostra que a desocupação pode ser muito maior do que ela realmente é", disse o coordenador de Trabalho e Rendimento do IBGE, Cimar Azeredo.

O crescimento se deu em um período de queda da taxa de desemprego, que foi de 12,9% no segundo trimestre, contra 13,1% nos três primeiros meses do ano. O resultado, porém, foi ajudado pelo aumento do desalento e da subocupação. A quantidade de pessoas que trabalham menos do que gostariam chegou a 6,5 milhões, ou 7,1% da força de trabalho. Em um ano 679 mil brasileiros obtiveram trabalho nessas condições. A taxa de subocupação foi de 7,1%, contra 6,8% no trimestre anterior e 6,5% no mesmo período de 2018. Ao todo, 6,5 milhões de brasileiros trabalham menos do que gostariam, segundo o IBGE "Os dados mostram que o cenário no mercado de trabalho brasileiro não é tão favorável quanto aparenta", comentou Azeredo.

Folha Prees

Preço da gasolina atinge o maior nível em quase um mês

Foto: Peu Ricardo
O preço médio do litro da gasolina A sem tributo nas refinarias atingiu seu maior patamar em quase um mês - em 17 de julho, o valor estava em R$ 1,9970. Desde o dia 11 de agosto, o valor do combustível voltou a subir e acumula reajuste de 4,25%. A partir desta sexta-feira, 17, o preço médio do litro passa a ser comercializado a R$ 1,9810.
O presidente da Petrobras, Ivan Monteiro, vem afirmando que a estatal não vai alterar sua política de ajuste diário de preços da gasolina e do diesel, apesar de o governo ter sido obrigado a subsidiar o valor de venda nos postos para acabar com uma greve dos caminhoneiros realizada no final de maio.

Estadão Conteúdo

quarta-feira, 15 de agosto de 2018

Começa a contar o prazo para TSE decidir sobre a elegibilidade de Lula

Foto: Paulo Whitaker/Reuters
Oficializado como candidato à vice-presidente na chapa encabeçada por Luiz Inácio Lula da Silva, o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad afirmou que o ex-presidente "ganha de qualquer candidato no segundo turno". 

"O Lula, em condições normais de pressão e temperatura, ganha as eleições. Com tudo isso que está acontecendo, ele ganha de qualquer candidato no segundo turno. É a expressão de um líder", empolgou-se Haddad depois de participar de um ato público com a militância do PT em Brasília.

Apesar do discurso público de que o ex-presidente é o único candidato do PT, integrantes da sigla admitem o plano B e, para isso, será importante que Lula consiga transferir seus votos para Haddad. 

O PT terá, no máximo, até 17 de setembro para substituir seu candidato à Presidência. Findo o prazo para protocolo da chapa, começou a correr o período que a Justiça Eleitoral tem para se pronunciar sobre a elegibilidade do ex-presidente.

O prazo para a impugnação do registro de candidatura é de cinco dias, contados a partir da publicação do edital. Como o pedido de Lula chegou hoje no final da tarde ao TSE, fontes do tribunal informam que esses eventuais pedidos serão enviados em seguida para o Diário da Justiça Eletrônico e publicados no dia seguinte. 

Os prazos na Justiça Eleitoral são contados em dias corridos, considerados sábados, domingos e feriados. 

Ato público 
Integrantes de movimentos sociais e apoiadores de Lula vieram a Brasília para acompanhar o registro da chapa petista junto ao Tribunal Superior Eleitoral. 

A presidente do partido, senadora Gleisi Hoffmann, a ex-presidente Dilma Rousseff e outros aliados chegaram juntos à Corte e, por volta das 17h30, oficializaram Lula como candidato à Presidência e Haddad como seu vice.

"Esse é um dia histórico porque temos uma candidatura que está nos braços do povo. É uma vitória muito grande fazer esse registro porque mostra o apoio popular do presidente Lula. É um dia de comemoração e vitória", afirmou Gleisi.

Lula está preso na carceragem da Polícia Federal, em Curitiba, onde cumpre pena de 12 anos e um mês por corrupção e lavagem de dinheiro. 

Após o registro, Gleisi saiu do TSE exibindo o documento comprobatório da candidatura. Ela levou o papel até o trio elétrico que ficou estacionado em frente à Corte. Lá, mostrou o documento aos manifestantes que bradaram em comemoração. 

Ali, Haddad leu uma carta enviada por Lula. No texto, o ex-presidente insiste em classificar sua prisão como um "ato político" do juiz Sérgio Moro, a quem acusa de uso de "fake news" para condená-lo e tirá-lo da campanha eleitoral. "Sou vítima de uma caçada judicial que já está registrada na história", diz Lula.

A estratégia do PT é iniciar a campanha presidencial com Haddad percorrendo o País para que o nome de Lula seja reconhecido como o fiador da candidatura do ex-prefeito.

Por Agência Estado

terça-feira, 14 de agosto de 2018

Ronaldo deixa clínica em Ibiza após quatro dias internado por conta de uma gripe


A passagem de Ronaldo Fenômeno pela Policlínica Nossa Senhora do Rosário, em Ibiza, chegou ao fim nesta terça-feira (14 de agosto). Internado desde a última sexta com uma forte gripe e o risco de agravamento para um quadro de pneumonia, o ex-jogador teve uma evolução em seu quadro médico e recebeu alta durante esta manhã, de acordo com o que afirma a agência EFE.
A publicação revela que a saída de Ronaldo aconteceu pelos fundos do hospital a fim de evitar qualquer movimentação e registros da imprensa, que estava presente no local. Depois de quatro noites de internação, a liberação dos médicos ocorreu por volta 10h30 no horário local espanhol (5h30 de Brasília).
A repercussão da forte gripe e a consequente internação do ex-jogador na Policlínica se tornou pública apenas no último domingo, quando o Fenômeno utilizou as redes sociais para tranquilizar os fãs quanto ao seu quadro médico. Inicialmente, o histórico atacante deu entrada no Hospital de Can Misses, mas foi transferido após exames preliminares.
Três vezes eleito o melhor jogador do mundo, em 1996, 1997 e 2002, Ronaldo teve grandes passagens por Barcelona e Inter de Milão antes de se transferir para o galático time do Real Madrid que tinha, além dele, nomes como Figo, Beckham, Raul, Zidane e o compatriota Roberto Carlos. Em 2011, encerrou sua carreira com a camisa do Corinthians, segundo clube pelo qual atuou em solo brasileiro. O primeiro foi justamente o Cruzeiro, onde despontou para o mundo do futebol e foi negociado com o PSV Eindhoven.
FOX Sports

Câmara de Vereadores de Jataúba abre inscrições para Concurso Público


No interior do Estado de Pernambuco, a Câmara de Jataúba torna pública a abertura das inscrições e realização do Concurso Público de Provas, regido pelo edital n.º 001/2018, para o provimento de cargos vagos existentes no quadro de pessoal permanente.

As inscrições serão realizadas pela internet no endereço eletrônico www.funvapi.com.br, no período entre às 8h do dia 31 de agosto até às 23h59 do dia 30 de setembro de 2018.

Homem simula o próprio sequestro para sair com a amante no Agreste paraibano

Foto: Reprodução
Nesta segunda-feira (13), um homem de 28 anos simulou o próprio sequestro para sair com a amante no Agreste paraibano. O homem pediu que um amigo ligasse para sua esposa, informasse sobre um sequestro e cobrasse o pagamento de R$ 5 mil como resgate.
O caso foi registrado na cidade de Alagoa Grande. De acordo com a delegada do caso, Maria Solidade, o telefonema foi feito para a esposa do motorista por volta do meio-dia. Cerca de duas horas depois ela procurou a delegacia para registrar o caso.
“Iniciamos os trabalhos de investigação com todo aparato policial. Após ouvir um comerciante da cidade ficamos sabendo que ele havia ido fazer uma entrega de uma carga de bolos em uma cidade vizinha”, explicou.
O comerciante amigo do motorista também informou que ele mantinha uma amante na cidade de Pirpirituba. A delegacia de Alagoa Grande fez novos contatos e suspeitou que o sequestro pudesse ser falso. 
O motorista retornou a cidade no final da tarde, embriagado e dirigindo o próprio veículo. Ele foi preso por falsa notificação de crime após simular o próprio sequestro para sair com a amante. 
“Ao chegar na cidade fomos até ele e efetuamos a prisão por falsa notificação de crime. Ele foi encaminhado para delegacia, onde assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e foi liberado”, explicou a delegada.

RedaçãoG1

segunda-feira, 13 de agosto de 2018

Rompimento do Canal da Transposição em Pernambuco não deve afetar a Paraíba

Foto: Reprodução
O rompimento do Canal da Transposição em Pernambuco não deve afetar a distribuição de água na Paraíba, de acordo com Alberto Batista, diretor geral do Departamento de Obras contra as Secas (DNOCS). Em entrevista ao ClickPB, ele garantiu que “nós temos uma segurança hídrica em Boqueirão de dois anos”.
Ele estima ainda que como já foi iniciada uma intervenção do Ministério da Integração para solucionar o problema, o Canal da Transposição deve ter “uma recuperação rápida, e não vai afetar a região de Campina Grande”.
O Ministério da Integração investiga a hipótese de que tenha o rompimento do canal tenha sido provocado por um ato criminoso. A polícia no estado de Pernambuco atua em conjunto com o Ministério para investigar o caso.
Neste domingo (12) a pasta informou que técnicos foram até o local afetado para recuperar a estrutura, que deve ser normalizada em até 48 horas.
Redação